Homem pede demissão para se dedicar ao Pokémon GO

pokémon go
(Reprodução: pokemon.com)

Ainda não está disponível no Brasil, mas no mundo é o jogo mais comentado no momento e tem gerado grandes histórias. Depois de um usuário tentar capturar um Pokémon enquanto sua mulher estava em trabalho de parto, pessoas entrarem em uma delegacia atrás dos animais e até encontrarem um corpo pelo caminho, um homem de 24 anos da Nova Zelândia decidiu dedicar mais tempo ao game.

De acordo com o site Newshub, Tom Currie decidiu pedir demissão de seu trabalho para capturar Pokémons em tempo integral. Segundo ele, um de seus objetivos é rodar todo o país e capturar o maior número deles possível.

“Reservei um ônibus para fazer todo o caminho e espero encontrar alguns exemplares incríveis pelo caminho. O jogo mantém um registro de quão longe você vai e, até agora, andei cerca de 50 km”, explica Currie.

Ele já encontrou mais de 700 Pokémons e atualmente está no nível 20, agora irá tentar chegar até o “final” do jogo, o seu último objetivo (da vida talvez). Um exemplo de superação e dedicação a ser seguido, só que não.

Fonte: Olhar Digital