Trump diz que vendeu aviões que só existem no Call of Duty

call of duty f-52

O presidente norte-americano Donald Trump deu o que falar nas redes sociais por causa de mais uma de suas gafes. Durante uma coletiva de imprensa conjunta com a primeira-ministra norueguesa, Erna Solberg, o republicano mencionou a venda de aeronaves F-52 para o país escandinavo. O problema é que esse modelo de avião só existe no game Call of Duty.

“Em novembro, começamos a entregar os primeiros aviões de combate F-52 e F-35”, disse Trump, orgulhosamente comemorando o pedido de “US$ 10 bilhões”. O comentário virou piada entre internautas.

A explicação para a gafe é que o presidente confundiu a quantidade de aviões, que são 52 vendidos para a Noruega e o modelo F-35 que foi entregue para a Noruega e foi somente esse modelo de avião.

Outra gafe pior é que o Trump usou palavras baixas ao falar sobre o Haiti e vários países africanos sobre receber mais imigrantes nos EUA.

Veja o exclusivo F-52 em uma gameplay no COD: